6/29/2010

Dizem que eu sou louco (...)

Não estou disposto a esquecer seu rosto de vez
E acho que é tão normal (...)
 (música - Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda).
   Composição: Hyldon


Acordei cantando esta música e durante todo o dia ela não saiu da minha cabeça, o próximo trecho seria :
Dizem que eu sou louco, por eu ter um gosto assim (...)” 
porem esta parte não quis colocar lá em cima porque começo a discordar da letra da música, não acho que se é louco por não querer esquecer o ‘rosto’ ou certas coisas que não foram boas, porem inesquecíveis.
Lembranças são necessárias a qualquer custo, não digo os traumas as tragédias estas acho que  se possível não devem ser relembradas ... mais se esta tal lembrança for um motivo de superação deve ser lembrada sim, quantas pessoas usam seus medos e suas lembranças ruins para superar algo na vida, quantas e quantas vezes já ouvi falar de alguém que pulou de pára-quedas para superar um trauma e acabou que transformou a lembrança ruim de um trauma por outra experiência maravilhosa que é se sentir livre a pés de distancia do chão , a sensação de liberdade indiscutível isso sim se torna uma lembrança BOA , mais que precisou de uma ruim para ser vivida.
E uma coisa mais leve como um AMOR , porque “sismamos” que temos que esquecer as coisas boas de um namoro passado só porque em segundos ele foi rompido ?

- e as tardes juntos, os beijos , o EU TE AMO dito ao pé do ouvido, que quando dito neste momento nos passa tanta verdade mais quando se esta no fim temos sempre que torná-lo mentiroso  ... isso virou regra ?
 Se virou não deveria, se todos entendessemos mais o lado do outro não teríamos tantos problemas, nosso problema e que não sabemos  lidar com certas situações,e achamos melhor encontrar motivos para odiar do que para aprender a conviver; Admito que é sim mais fácil ter que passar e não dizer um simples ‘Oi’ porem se todos fizerem isso de uns dias para cá não restaram uma só pessoa se cumprimentando !
Falamos que somos tão modernos , que a cor da pele não interfere em nada, que ligar para a opção sexual e bobeira e quando o assunto e tão normal como aprender a conviver com as diferenças e com o não do passado ,fazemos isso, de um modo ou uma desculpa para ter ódio.
Torna tudo mais simples, aprender a conviver com os outros e mais ainda aprenda a conviver com você !

Nenhum comentário:

Postar um comentário